12 de jun de 2011

Considerações sobre as atitudes do Vereador José Junqueira:

 Análise conjuntural muito bem feita por um amigo:

"O fato a ser analisado:

José Junqueira foi o proponente das duas CPIs;
José Junqueira presidiu a CPI da Agricultura;
José Junqueira foi Membro da CPI dos Combustíveis;
José Junqueira aprovou a CPI da Agricultura na Comissão que presidiu;
José Junqueira aprovou a CPI dos Combustíveis como membro da Comissão;
José Junqueira aprovou a CPI da Agricultura em plenário solicitando os votos dos demais que acabaram aprovando por unanimidade;

Como Junqueira pode ser contra o Processo para análise das CPIs e os atos que se fizerem necessários???

Tem que se salientar:

Depois das CPIs Junqueira conseguiu colocar o PMDB dentro da Prefeitura;
Depois das CPIs Junqueira conseguiu aumentar o números de Secretarias;
Depois das CPIs Junqueira colocou 3 Cordenadores no lugar de 1
Depois das CPIs Junqueira indicou o Diretor Fundação de Esportes
Depois das CPIs Junqueira indicou o Diretor do Turismo;
Depois das CPIs Junqueira indicou o Secretário da Indústria e Comércio;
Depois das CPIs Junqueira indicou o Secretário da Saúde, gente boa, mas entende de carro;

Depois das CPIs......."
 
E aí veio o despacho do Mandado de Segurança...
Despacho este esperado por todos, afinal é a praxe jurídica!

DECISÃO"... Portanto, diante destas considerações, este Juízo entende que, além de haver fundamentos que conduzem ao deferimento do pedido liminar, a prudência aconselha primeiro processar este mandado de segurança, ouvindo os interessados e ouvindo a sempre sábia opinião do Ministério Público para depois decidir definitivamente sobre a legalidade do ato impugnado. 7.1 A prudência também aconselha que, durante a rápida tramitação do mandado de segurança, a situação retorne ao status quo ante, a fim de que as partes tenham uma real tranqüilidade de participarem deste processo com isenção de ânimo e sem sofrerem antecipadamente os danos de um ato que pode ser considerado ilegal. 8. Isto posto, este Juízo concede a segurança liminarmente a fim de suspender os efeitos da votação ocorrida na Câmara de Vereadores de Joaçaba na noite de 07 de junho de 2011, devidamente retratada na ata de fls.14-19 relativamente a abertura de processo de cassação do Prefeito e Vice-Municipal -, até o final do julgamento da presente ordem de mandado de segurança. 8.1 Notifique-se imediatamente a autoridade coatora dos termos desta liminar, bem como para, querendo, apresentar informações e documentos no prazo de dez dias. ..."

E este mesmo vereador vai na imprensa falar besteira dizendo que foi feita a justiça com a "anulação" da votação! 

...e ainda se denomina "Professor Junqueira"! As máscaras caíram... 

E ainda por cima ler isto uma Rede Social!

"Vcs nao tem noçao do quanto o Sr Junqueira enche o saco de quem
esta no executivo.....
Se nao tiver favorzinho....cargozinho.......ele detona na Camara.
Se tiver ele é defensor, mesmo que as açoes nao sejam das
melhores.
Digo isso de cadeira...pois vivi a realidade na pele.....
Grande parte do PMDB deve estar arrependido de te-lo como
vereador..."


Enquanto eu procurava uma figura para a postagem vejam só  que encontei! http://cacodarosa.blogspot.com/2011/01/depois-de-criar-cpi-pmdb-junta-se-ao.html

José Junqueira de Carvalho: minha maior decepção política de 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário