7 de nov de 2011

"As pessoas em primeiro lugar" - Tá certo! Só esqueceu de dizer quais, né Governador!?

Recebi a seguinte informação sobre a previsão de orçamento para Assistência Social 2012, no estado de Santa Catarina  e repasso para os leitores verem o que o governador que alardeava pelos quatro cantos que no governo dele "as pessoas estariam em primeiro lugar":

"Analisei  Projeto de Lei 434/2011, que define o orçamento estadual de 2012.  Há uma expectativa por parte do Governo do Estado que o orçamento de 2012 fique em R$ 15.875.534.280,00 (quinze bilhões, oitocentos e setenta e cinco milhões, quinhentos e trinta e quatro mil,  duzentos e oitenta reais).

Esses números já estão descartando o que o Estado deve passar para os Municípios, ou seja, são os  recursos do Estado (todos os órgãos e poderes).

Os recurssos previstos para o Fundossocial são R$ 346.462.399,00 (trezentos e quarenta e seis milões, quatrocentos e sessenta e dois mil,  trezentos e noventa e nove reais).

Os recursos previstos para política pública de assistência social são R$ 38.142.009,00 (trinta e oito milhões, cento e quarenta e dois mil, e nove reais). Para chegar a esses números, considerei a soma dos recursos previstos na Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação, no Fundo Estadual de Assistência Social (FEAS), e no Fundo da Infância e da Adolescência (FIA). Os valores estão assim previstos.

- Secretaria: R$ 28.673.266,00 (vinte oito milhões, seiscentos e setenta e três mil, duzentos e sessenta e seis reais);

- FEAS: R$ 8.078.743,00 (oito milhões, setenta e oito mil, setecentos e quarenta e três reais); e

- FIA: R$ 1.390.000,00 (um milhão, trezentos e novento mil reais).

Destaco aqui o orçamento previsto para a Secretaria é mais de 41 milhões de reais. Porém, a Secretaria se divide em 3 áreas. Os outros  mais de13 milhões irão para trabalho e habitação. Fica assim o valor acima citado para assistência social.

Com o valor total do orçamento, R$ 15.875.534.280,00 (quinze bilhões, oitocentos e setenta e cinco  milhões, quinhentos e trinta e quatro mil,  duzentos e oitenta reais), e o valor da assistência social, R$ 38.142.009,00 (trinta e oito milhões, cento e quarenta e dois mil, e nove reais), foi popssível fazero cálculo de percentuais.

Pelo projeto do Governo do Estado, a expectativa de investimentos em assistência social no ano de 2012 é 0,24%."

Daí eu fui procurar que "pessoas" eram estas tendo em vista que os "em situação de vulnerabilidade social" é que não são. Descobri! São os coitadinhos que precisam muito fazer uma regata e precisam mais ainda do dinheiro do contribuinte catarinense... R$ 5.000.000,00 para os Riquinhos Ricos brincarem e serem felizes!

Tô mentindo?! Mais uma loucura da lunática aqui?! Então veja você mesmo o que outro "blogueiro sujo" teve coragem de publicar e que nossa "imprensa isenta e bem paga" faz de conta que não sabe...

Raimundo Colombo!! Cadê aquele milhãozinho pra gente botar pra funcionar o Lar do Idoso de Joaçaba??? Faz uma vaquinha com seus amiguinhos ai na Regata ou quem sabe entre os companheiros de viagem!! 


Você é pobre?  Votou no Raimundo Colombo? 
Rá! Caiu na "pegadinha do malandro"!! 
"Justo Veríssimo" barriga verde, isso sim!
Odeia pobre!!!

Um comentário:

  1. Que esta minha postagem não tenha conotação politiqueira porque minha indignação se estende a esta oposição bunda-mole que não denuncia, ou fica bem quietinha no canto!

    Cadê a lista dos "invalidados" da ALESC???

    Cadê um "cuiúdo" pra trazer as coisas a público!?

    Tô de saco cheio de político cagão!!!!

    ResponderExcluir