6 de out de 2012

Há cada vez mais animais abandonados


Dia Mundial dos Animais é lembrado mundialmente em busca da sensibilização da população.

Da Redação [O DIÁRIO DO VALE]
Eliete Squerzzato
A celebração da data ocorre em vários países, que buscar conscientizar e sensibilizar a população para a necessidade de proteger os animais e a preservação de todas as espécies, assim como, mostrarem a importância dos animais na vida das pessoas.

Dia Mundial do Animal é celebrado anualmente no dia 04 de outubro. A data foi escolhida em 1931 durante uma convenção de ecologistas em Florença, levando em conta o fato de nesse mesmo dia ser o dia de São Francisco de Assis, o santo padroeiro dos animais, segundo comemoração da Igreja Católica.

Contudo, mesmo com a existencia da data e sendo um ato de grande importância são poucos os que contribuem e tomam iniciativas para que os animais realmente recebam a ajuda que precisam. Muitos são mal tratados e abandonados.

Segundo a presidente da ONG Amigos dos Animais de Joaçaba, Elisabete Margot Vieira, a data por ser uma simbologia, assim como outras datas comemorativas, leva as pessoas a pensarem sobre o problema e com isso, talvez tomarem atitudes melhores e ajudar na causa em questão. “A luta pelos animais já ocorre há tanto tempo, mas apesar das pessoas acharem bonito ajudar, são poucos que realmente fazem alguma coisa. Os animais precisam da iniciativa das pessoas para serem cuidados, e isso ocorre pela parte de tão poucos”, diz.

A ONG Amigos dos Animais existe desde 2006, e conta com o apoio de cinco pessoas que tomam frente da organização, além dessas pessoas, a ONG conta com trabalho voluntário de outras pessoas que se sensibilizam com a causa, mas mesmo assim, enfrenta dificuldades para cuidar de todos os animais que precisam de ajuda. “Hoje temos aproximadamente 40 animais para adoção, e que estão na casa das pessoas que nos ajudam nesse trabalho. As clínicas veterinárias tem um papel importante nesse trabalho, mas precisamos rever a política pública quanto a isso, pois tudo que fazemos são com recursos nossos e dos voluntários”, afirma Elizabete.

A Organização Não Governamental existe em regime de solidariedade mutua, ou seja, sem dinheiro público. Tudo que recebe, são doações de pessoas que se sensibilizam e doam ração, ou dinheiro para ajudar a custear as operações, internações e medicamentos das clínicas veterinárias. “Todo mundo acha que temos dinheiro, mas pelo contrário, dependemos de recursos nossos e das doações. Hoje temos aproximadamente 40 animais para adoção e precisamos manté-los em nossas casas, tratar, cuidar, enfim, oferecer todo o suporte necessário para eles. Nem Joaçaba, Herval d’Oeste e Luzerna contam com apoio do dinheiro público para esse fim. E isso precisa ser mudado, os animais têm direitos e precisam ser cumpridos, e isso, depende de nós. Temos um problema que precisa ser resolvido”, finaliza a presidente da ONG Amigos dos Animais.

A data existe para refletir por alguns instantes sobre tudo aquilo que devemos aos animais. Eles precisam também de respeito e necessitam de ajuda, tanto aos aspectos mais básicos, como abrigo e alimentação, quanto ao direito a afeto, liberdade e à vida”. Para quem quiser ajudar nos trabalhos desenvolvidos pela ONG Amigos dos Animais de Joaçaba, pode entrar em contato pelo e-mail amigosdosanimais@brturbo.com.br

F - Animais assim como os seres humanos têm direitos que precisam ser respeitados. (Foto: Reprodução/Marcos Oliveira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário