8 de out de 2012

Na Caixa os "normais" sofrem na fila...

Há algum tempo atrás, cerca de um mês, fiquei 55 minutos na fila da Caixa de Joaçaba. Todos os que estavam comigo perceberam que a cada nova senha preferencial que entrava na lista de espera mais demorava o atendimento. Percebemos que as senhas preferenciais tinham uma média de DOIS minutos de espera! E muita gente que não se enquadrava no perfil - idoso, gestante, deficiente, pessoa com criança de colo - estava sendo beneficiadas com as senhas preferenciais.

Depois do atendimento fui ter com o moço que estava distribuindo senha, simplesmente não havia critério, bastava a pessoa pedir uma senha [com o perfil que lhe interessasse] que saía com ela em mãos. A idade não era conferida e isso levava a alguns se aproveitarem da situação. E pior! Debochar dos que estavam esperando honestamente...

Fui conversar com o gerente que pediu desculpas e relatou estar há pouco tempo na agência. Disse que providenciaria alteração no sistema de chamada de senhas e verificaria a entrega que é feita por alguém que fica ali na máquina. Disse que aguardaria a solução deste problema e que, então, não mandaria uma reclamação ao Ministério Público e/ou Procon.

Voltei sexta-feira passada e não vi nada do que fora prometido. Sobre a entrega da senha não tenho como opinar, não me ative a este detalhe. Estava mais preocupada em constatar que a proporção de atendimentos estava sendo de QUATRO preferenciais pra UMA não preferencial!

Entrei 10:12h e fui atendida às 10:50h... 

Cadê a lei que regulamenta o tempo para o cidadão ficar na fila? 

Por que os "normais" estão sendo punidos? Será que um idoso, gestante, deficiente, pessoa com criança de colo não pode esperar uns sete ou oito minutinhos?? Assim a coisa ficaria mais justa...




Nenhum comentário:

Postar um comentário