23 de set de 2014

Primeira consulta com o Oncologista - esperanças :)

Boa tarde!!

Hoje, 8:00h da manhã, estava a postos! Cheguei no HUST e já fui encaminhada para o Setor de Oncologia onde duas moças me atenderam e preencheram minha ficha. Obedeci a orientação de esperar ser chamada...

Mais de uma hora e meia de espera me deu oportunidade de fazer uma análise dos demais que compartilhavam comigo aquela sala. Isto dá uma postagem especial, pois constatei que há muita gente otimista, com o pensamento voltado para a cura. Mas há os que entram numa espécie de competição mórbida onde cada um descreve suas desgraças e como elas são muito maiores do que a dos demais interlocutores. Da próxima vez os fones de ouvidos não serão esquecidos, definitivamente não quero ouvir este tipo de coisa...

Descobri quem é  "o tal Dr. João"! JOÃO ROGÉRIO NUNES FILHO - um médico bastante atento e preocupado com as informações que eu trazia na "bagagem". Ontem uma pessoa conversou comigo sobre não consultar o Google, por não haver informação técnica que preste ali. Seguindo o conselho, não só não abri mais como removi tudo do meu "HD". Até porque se depender das buscas feitas eu não vivo até a próxima Copa do Mundo! hahaha

Descrevi só o que foi conversado com o Ginecologista e o que me foi repassado por uma amiga médica que fez a gentileza de me tranquilizar, porque ficar com um exame cheio de palavras difíceis fritando na minha mão só estava ajudando a passar as noites em claro. O que ela me disse foi o mesmo que o Oncologista: há alguma coisa que deve ser investigado, mas a cirurgia que eu fiz foi bem feita, sem umas tais de margens. Isso já era um ponto positivo para o tratamento.

O que me deixou mais animada foi o fato de ainda haver uma possibilidade de um exame histológico que será feito com o mesmo material que fora analisado na primeira biópsia dar o resultado de benignidade. Se der isso minha próxima ida ao Setor de Oncologia será a última! Imaginem que sonho!! Tudo isso ter sido só um pesadelo? Uma tempestade passageira??

Ele me examinou e viu que não tenho dores [e não tenho mesmo, oras rsrs]. Isso me [nos] deixou bem mais tranquilos.

Vou fazer dois exames. Na verdade um é o meu "ex-útero" que vai pra fora [não sei onde é este "fora"], ele será analisado com umas enzimas que, dependendo da reação, dá o resultado de "benigno", ou "maligno". Este foi encaminhado pelo próprio Serviço de Oncologia do HUST.

O outro é uma Tomografia Computadorizada: abdome, pelve e tórax com contraste - estadiamento - C80. Saí com a orientação de pegar um carimbo com as moças da recepção e ir até a Clinica de Radiologia que fica ali no prédio do hospital - CDIH.

Fui até lá gelada de medo. Lembro que quando tive o problema no rosto - em abril ele ficou torto - esta Clínica me avisou que a fila da Tomografia pelo SUS podia levar meses. Na época consegui um desconto via Secretaria de Saúde de Herval d'Oeste e paguei quase a totalidade. Dessa vez era três em um, já estava maquinando como iria "morrer" com este exame, afinal eu não estava disposta a ficar meses na dúvida...

Qual foi minha surpresa quando a atendente, sem perguntar mais nada além dos meus dados, me perguntou se preferia dia 01 de tarde ou dia 07 de manhã. Dia 01 de outubro, lógico! Quanto mas rápido melhor! Não vejo a hora de fechar este ciclo na minha vida!

Tudo isso que passei hoje serve para a reflexão, pois entre as conversas dos pacientes o que ouvi de alguns foi coisa como "ainda bem que o Governo paga tudo, tem remédio que eu tomo que custa R$ 7.000,00 a dose", "pois é, eu pensei que ia ter que vender a minha casa, mas depois vi que é tudo de graça". Qual mensagem que tiro disto? Por mais que o SUS tenha problemas, é inconcebível pensar em voltar aos tempos em que se morria nas portas dos hospitais, ou ter como modelo o norte americano, onde quem tem Seguro Saúde tem tratamento, quem não tem morre lentamente...

Comecei a escrever neste blog para relatar sobre o tratamento oncológico via SUS e dividir minhas experiências. Confesso que a possibilidade dele não passar deste capítulo me anima muito, não escrever sobre a continuidade do tratamento deixará este relato manco, mas a relatora extremamente feliz...

Há Braços! [de luta de de fé]

Bete Vieira

2 comentários:

  1. Olha que nem parece aquela que ficou anos e anos falando mal do HUST... e foi cair justamente no medico famoso e alvo de criticas da mesma ha alguns meses apos certo fato. O mundo gira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tão chato ter que falar com uma pessoa que é tão sem caráter que se esconde atrás de um perfil falso tsc tsc tsc
      Vamos lá!
      Em primeiro lugar nunca falei mal de nenhum dos médicos que me atenderam. Amei o Dr. Wellington Alessi desde a primeira consulta, o Oncologista nunca tinha ouvido falar sequer no seu nome, conheci na primeira consulta e também gostei muito. Mentir é muito feio ai ai ai
      Segundo: continuo criticando o HUST porque o pronto atendimento é um horror e os médicos/estagiários são um fiasco. Sem falar na demora no atendimento.
      Oncologia é alta complexidade, assim como a cirurgia.
      Ademais nunca falei mal de enfermeiro sequer, porque os coitados ganham uma miséria e trabalham pra caramba.
      E o que eu achar que está uma merda vou continuar detonando, o que eu achar que está bom vou continuar elogiando. Coerência não me falta, assim como caráter. Diferente de você...

      Excluir